quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Caçapava do Sul 190 anos: um rastro de transformação

O Projeto Caminhos do Sul da América, idealizado há dez anos, tem objetivo auspicioso: integrar aspectos culturais e o acesso aos países latinos do sul da América do Sul. Com tempos de epidemias mundiais e controle de fronteiras fica bem mais difícil de ser alcançado, no entanto, a semente está lançada e poderá em algum momento futuro brotar e ser efetivo

Enquanto isso, o Projeto mobilizou a comunidade para um novo olhar mais receptivo a um novo setor econômico local e regional. As forças econômicas de Caçapava do Sul concentram-se em setor primário (mineração e agropecuária). Um pulo para o terceiro setor, como de serviços, por exemplo, seria uma próspera transformação para o município que perde, ano a ano, sua juventude que vão para outros lugares em busca de seu sustento.

Para que o turismo seja exitoso é preciso infraestruturas adequadas e uma disposição para receber o visitante. Isto só acontece se a estima e o acolhimento da comunidade estão bem.  Neste sentido, o projeto moveu emoções dos caçapavanos de todas as idades, promoveu o bem estar social e estimulou um olhar novo as riquezas intrínsecas e características desse lugar.

Nestes dez anos realizaram-se inúmeros eventos com abordagens visando sempre o turismo.  Foram exitosos:

1. A valorização do Educador que enfrentam desafios enormes, principalmente na Pandemia.

2. Na Saúde destaca-se: Prevenção ao Diabetes, homenagens as “Mulheres da Saúde” e vídeo “As Dez Mais na Arte da Atenção”, também, Workshop ”Tua Saúde é Nossa Saúde”;

3. Realizamos 32 exposições nos espaços do Hall do Instituto de Educação “Dinarte Ribeiro”, Feira do Livro e Espaço Legislativo Municipal.

4. Oficinas e Cartilhas: Realizemos inúmeras oficinas literárias e lúdicas, e nestas desenvolvemos quatro Cartilhas;

5. Projeto Social: realizamos na Escola Estadual de Ensino Fundamental Cônego Ortiz, com 35 alunos do nono ano. Visando fins socioeducativos e ambientais e da relação com a comunidade. Foi oportunizado aos participantes oficinas literárias e desenhos, visita ao entorno da Escola e dos pontos turísticos de Caçapava do Sul, visita ao Legislativo, participação na Feira do Livro e exposição.

6. Concurso Cultural – Desenhos infanto-juvenis: Desde 2013, realizamos com a parceria com a Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul o concurso para homenagear o aniversário do município. Com temática sempre envolvendo paisagens urbanas e rurais, pertencimento e turismo, buscando um olhar caridoso ao lugar em que vivemos.

7. Publicações: Além da ferramenta de comunicação, Blog “Caminhos do Sul da América”, o Projeto publicou, em 2012, duas versões impressas, um livrinho e um livro (português e espanhol) de fotografias estimulando o Turismo com integração dos países do sul da América. Em 2012, foi lançado na Feira do Livro o ebook. Com os livros foram realizados vários eventos: lançamento na Casa de Cultura Mário Quintana em Porto Alegre, participação em Feiras e oficinas com escolares.

8. Concurso Cultural – Fotografia: Desde 2014 realizamos o concurso para homenagear o aniversário do município, com a parceria com a Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul. O vencedor do Troféu, sempre também é contemplado com a Agenda. As temáticas sempre envolveram o pertencimento e turismo, buscando um olhar caridoso ao lugar em que vivemos;

9. Patrimônio Histórico: Buscamos sensibilizar a comunidade para preservação e seu valor histórico de edificações e movemos o Poder Público a esta causa. Dentre os eventos destacamos o “Workshop Patrimônio Merece Respeito”;

10. Literatura/88 Palavras: Desde 2013, através do Concurso Cultural com a parceria da Câmara de Vereadores, oportunizamos todos caçapavanos a expressarem o seu amor por nossa terra em 88 palavras.

Além desses dez tópicos acompanhamos eventos paralelos e de outras iniciativas com fins culturais e de turismo. Vemos o município, gigante pela importância e riqueza naturais despontar para o turismo: projetos públicos, espaços culturais e de museu, produtos locais e artesanatos interessantes e ótimo acabamento, melhores infraestruturas de hospedagem e de alimentação.

Caçapava do Sul, a “Sentinela dos Cerros” e suas denominações de “Capital Farroupilha” e “Capital Brasileira do Cobre”, “Geoturismo” localizada no Bioma Pampa Gaúcho, atrai o Turismo de Tradição, Histórico, Religioso, de Aventura, de Passagem, de Contemplação e de Raiz onde os caçapavanos retornam ávidos para saciar a saudade de sua terra.

Poderá, também, Caçapava do Sul ser um Geoparque (aspirante ao reconhecimento da UNESCO). Segundo o percursor desta ideia, professor André Borba/UFSM, o solo caçapavano possui rochas que registram um momento único na evolução do continente sul-americano e africano quando estavam grudados. Estas rochas estão expostas em belos geomonumentos onde se encontram microfósseis mais antigos do sul do Brasil.

E assim, com um rastro de transformação, Caçapava do Sul emerge de um grande potencial turístico com mais aporte e acolhimento dos visitantes. Imagens abaixo do rico artesanato caçapavano.








Nenhum comentário:

Postar um comentário