segunda-feira, 8 de abril de 2013

Resíduos as Pampas


Você se preocupa com o meio ambiente e faz separação dos descartáveis do lixo? Ou guarda utensílios que ficam lá acumulando poeira e espaço? Pois bem, você sabia que tem muita gente que sustenta a família com a reciclagem ou ainda que existem meios de reaproveitá-los de modo mais eficaz?

Pensando nisto, alunos do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental da Unipampa em parceria com o projeto “Caminhos do Sul da América” estão oportunizando que as pessoas façam a troca de recicláveis de lixo seco como embalagens plásticas, papel, papelão, utensílios domésticos inutilizáveis, lixo eletrônico, livros, etc... Uma vez separados os recicláveis do lixo, uma significativa economia é realizada para o meio ambiente.

Através das redes sociais e de um blog denominado Resíduos as Pampas,  pode-se “OFERTAR” aquilo que já não tem mais valor para você, ou ainda “PROCURAR” aquilo que você pode recuperar de alguma forma e que não interessa a outrem. O incentivo e as atualizações do sistema serão operacionalizados por alunos da Engenharia Sanitária e Ambiental.

Resíduos as Pampas foi lançado no I Simpósio de MeioAmbiente da Unipampa, realizado nos últimos dias 5 e 6 em de Caçapava do Sul onde alunos desta unidade e de cursos voltados a questão ambiental das unidades de São Gabriel, Bagé, Jaguarão, Itaqui e Dom Pedrito interagiram questionamentos e contribuições na área.

Segundo o aluno de Engenharia Sanitária e Ambiental de Caçapava do Sul, Stener Camargo, entre alunos e comunidade acadêmica, cerca de 440 pessoas participaram diretamente do evento. Entre as atividades do simpósio também foi fomentado o turismo local com a realização de uma visita à Pedra do Segredo.

Para o aluno do campus São Gabriel, Francis Casagranda Zanella, o evento foi único na discussão não só ambiental, pois ela é apenas resultado de uma profunda crise social do sistema baseado em relações capitalistas.

Portanto, diz Zanella, é um privilégio estarmos na universidade nesse momento e não podemos passar em branco. Precisamos ser as minorias criativas como explanou Marcos Borba na palestra de abertura do evento. Um dos objetivos alcançados foi colocar em debate a ética e levantar o questionamento: vamos ser protagonistas de uma verdadeira mudança nas relacões socioambientais?

 Visite: http://residuosaspampas.blogspot.com.br/
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário